Motociclista ferido em atentado mobiliza evangélicos em Ponta Porã

0
33537
Foto: Divulgação facebook

O motociclista identificado como Mesaque Almeida de 25 anos, pastor evangélico foi ferido no ataque a tiros de metralhadora que tirou a vida de Vitor Hugo Colmam, na manhã desta terça-feira (24) em Ponta Porã fronteira com o Paraguai. O Jovem foi baleado e arrastado durante o tiroteio envolvendo bandidos na região de fronteira.

A sociedade evangélica da fronteira se uniu em orações. Na rede social de Misaque várias mensagens de solidariedade e recuperação estão sendo postadas, o rapaz era bem querido na sociedade e os moradores da fronteira lamentam a tamanha violência que a cidade está passando nos últimos dias. De acordo com informações repassadas por amigos, Misaque foi transladad em estado grave para cidade de Dourados.

O caso:

aproximadamente às 10:40 da manhã, na Rua Tiradentes em pleno centro de Ponta Porã. Um veículo modelo Chevrolet Ônix de cor vermelha com placas do Paraguai, interceptou um veículo Toyota SW4 de cor prata chapa OCL 6339 de Ponta Porã, na rotatória da Rua Tiradentes com a Marechal Floriano, os passageiros do Ônix dispararam tiros de metralhadora M16 e pistola 9mm, e logo após abandonaram o veículo e as armas, correndo a pé em direção ao Paraguai.

Na fuga os meliantes assaltaram um veículo e fugiram cruzando a linha internacional. O motorista da Sw4 não resistiu aos ferimentos e morreu no interior do veículo, a Polícia Militar isolou o local a espera da perícia técnica, o nome da vítima ainda não foi divulgado pelos policiais que estão no local neste exato momento. Segundo informações de populares a vítima seria o paraguaio Victor Hugo Colman. No atentado um motociclista foi atingido e levado em estado grave ao Hospital Regional de Ponta Porã.

 

Publicidade:

Cartão de visita impressão na frente 500 unidades                                                                Panfleto tamanho 10×14 cm papel couchê 1000 unidades                                                    Pastas personalizadas para empresas

Comentários no Facebook