Prefeito é acusado de usar marcenaria de município para fazer casinha de brinquedo para netas

Foto: Nova News

O vereador de Germino Roz (PR), compareceu na Delegacia de Polícia Civil de Batayporã  nesta quinta-feira (28), para registrar um boletim de ocorrência a fim de que as autoridades competentes apurem a suposta utilização indevida da marcenaria do município.

Segundo o site Nova News, o vereador relatou que no domingo (24), véspera de Natal, recebeu uma denúncia, via telefone, de que um dos filhos do prefeito de Batayporã, Jorge Takahashi (PMDB), estaria utilizando a marcenaria da Prefeitura Municipal para confeccionar algum artefato de madeira, na companhia de dois servidores públicos.

Ao tomar conhecimento do fato, o vereador disse que entrou em contato com o responsável pelo local, que teria afirmado que o que estava sendo construído era uma casinha de Papai Noel. Indo até o local, Germino Roz disse que se deparou com o filho do prefeito e com dois servidores do município.

Ainda segundo o site local, minutos depois o filho do prefeito teria deixado o local, deixando apenas os dois servidores no lugar. O vereador então conversou com os trabalhadores, que disseram estar construindo a casinha, mas que não sabiam qual era a finalidade nem para onde o objeto seria levado.

Um dos servidores disse ao vereador que havia trabalhado na construção da casinha no sábado (23) até por volta das 23h e que teria voltado à marcenaria no domingo (24), véspera de Natal, para terminar o trabalho.

Segundo o vereador, foi possível observar, pela cor rosa da casinha e pelos demais detalhes, que, na verdade, o objeto não se tratava de uma casinha de Papai Noel, e sim de uma casinha de brinquedo, destinada a alguma criança, provavelmente do sexo feminino.

TopMidiaNews

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here