Câmara aprova reajuste para os servidores e marca audiência pública de prestação de contas

 

Os vereadores de Ponta Porã aprovaram em regime de urgência, na tarde de terça-feira, 08 de maio, durante sessão ordinária, um projeto de lei que concede reajuste salarial para os servidores públicos do Poder Executivo Municipal.

O reajuste é da ordem de 3%, beneficiando mais de 3 mil trabalhadores. A proposta encaminhada pelo prefeito, Hélio Peluffo Filho tramitou em regime de urgência durante a sessão e a matéria foi aprovada por unanimidade.

A questão salarial também gerou debates entre os parlamentares. O presidente do Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação (SIMTED), Edvaldo Vieira, utilizou a Tribuna Livre para expor que era necessário um prazo maior para que o Executivo pudesse corrigir o projeto e encaminhar reajuste aos professores na ordem de 6,81%, conforme Lei Federal.

Nos debates, os vereadores manifestaram interesse em aprovar a matéria, uma vez que a maioria dos servidores da Prefeitura concordou em receber o reajuste proposto pelo Poder Executivo Municipal. Assim, o aumento salarial foi aprovado por unanimidade.

Prestação de contas

Na mesma sessão os parlamentares aprovaram um requerimento de autoria da Comissão de Economia, Finanças e Fiscalização, solicitando a realização de uma audiência pública de prestação de contas do Executivo, Legislativo e Previporã. A proposta foi aprovada e a audiência pública será realizada às 14 horas do dia 28 de maio no Plenário da Câmara Municipal de Ponta Porã.

A Comissão de Economia, Finanças e Fiscalização é formada pelos vereadores (Rony Lino, presidente), Paulinho Roberto (vice-presidente) e Laercio Martins (relator).

Educação

No decorrer dos trabalhos os vereadores também aproveitaram para convidar a população para participar da audiência pública de avaliação do relatório preliminar do Plano Municipal de Educação. O evento está marcado para o dia 10 de maio, quinta-feira, às 14 horas, na Câmara Municipal.

Vereadores

Durante a sessão, os parlamentares aprovaram um pedido de licença para tratamento de saúde do vereador Daniel Marques. Em seu lugar, assumiu, em ato solene, o vereador Bruno Alberto Gonzales Reichardt, o Brunoi Reichardt. Ele prestou juramento e assinou o termo de posse.

Indignação

O presidente da Casa, Candinho Gabínio, apoiado pelos demais colegas, demonstrou insatisfação com o comportamento de uma parte dos professores presentes que, por diversas vezes, de maneira ofensiva, procuraram interferir nas falas dos vereadores durante os debates.

Assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here