Prefeita de cidade paraguaia tem R$ 600 aprovado no auxílio emergencial em MS

Moradores de Porto Murtinho estranharam ao ver o nome da prefeitura de Carmelo Peralta, no Paraguai, incluído na lista de beneficiários aprovados para receber o benefício de R$ 600 do Auxílio Emergencial. Mirna Orrego Segovia negou que tenha feito a solicitação.

Com CPF (Cadastro de Pessoa Física) e NIS (Número de Identificação Social), Mirna apareceu na listagem como aprovada na segunda parcela do benefício. Através das redes sociais, a prefeita paraguaia negou que tenha recebido e disse que ‘a verdade aparecerá’.

A reportagem entrou em contato com Mirna, mas até o fechamento desta matéria, não havia se posicionado.

Vale lembrar que as informações são todas oficiais, disponibilizadas pelo Portal da Transparência do Governo Federal, mantido pela Controladoria-Geral da União (CGU). O Ministério da Cidadania é responsável pela gestão e base de dados do programa assistencial criado por causa da pandemia do novo coronavírus, que causa Covid-19.

Midiamax incentiva o Controle Social

O Jornal Midiamax incentiva em Mato Grosso do Sul o ‘controle social’, que é a participação ativa da população no combate à corrupção com denúncias sobre suspeitas e fraudes no pagamento do Auxílio Emergencial.

Assim, no Portal da Transparência, você pode comunicar oficialmente ao Ministério da Cidadania com a ferramenta Fala.BR. Ou pode ainda indicar se alguém recebe um benefício indevidamente pelo link “Fique de Olho!”.

Midiamax*

loading…
🔥1.3 K

Deixe sua opinião