Novas barreiras sanitárias são montadas em três entradas de Campo Grande

As novas barreiras sanitárias instaladas em três entradas de Campo Grande vão funcionar por 15 dias e visa fiscalizar visitantes que vem do interior do estado. Os pontos de fiscalização acontecem na saída para São Paulo, Três Lagoas e Sidrolândia.

A barreira está sendo organizada em três vias da seguinte forma: na faixa da direita, passam os carros que são de Campo Grande; na do meio, veículos que não são da Capital e na faixa da esquerda, passam os caminhões.

Na faixa do meio, segundo o secretário municipal de Saúde, José Mauro, é feito a triagem e a limpeza das rodas do veículo com hipoclorito de sódio.

“Ali o profissional pergunta de onde estão vindo, se teve sintomas, afere a febre. Se ele apresentar os sintomas e febre depois dessa triagem, ele é encaminhado para fazer um teste na tenda. Esse teste demora cerca 15 a 20 minutos para ficar pronto”, disse.

Se o visitante apresentar febre de mais de 37.8 graus, ele é encaminhado para a tenda para passar por um teste rápido. Se der positivo, esse morador é encaminhado para uma unidade de saúde para fazer o acompanhamento.

VÍDEO: Novas barreiras sanitárias são montadas em três entradas de Campo Grande
Marquinhos Trad | Foto: Leonardo de França

De acordo com o prefeito Marquinhos Trad (PSD), as entradas da cidade foram escolhidas devido a ter conexões com as cidades do interior que apresentaram mais incidências na última semana.

“As entradas foram escolhidas devido a incidência dos municípios nos últimos sete dias. A organização, planejamento, técnicos, infectologistas e Vigilância, que determinou que as principais saídas e entradas são essas que pagam as cidades de Dourados, Itaporã, Fátima do Sul, etc”, disse Trad.

As vans que chegam na Capital também estão sendo fiscalizadas para averiguação de documentação e passageiros.

Confira onde estão montadas as barreiras sanitárias:

  • Saída para Três Lagoas: Av. Ministro João Arinos, na BR-262
  • Saída para São Paulo: Av. Gury Marques, na BR-163
  • Saída para Sidrolândia: Av. Günter Hans, na BR-060

Barreira Sanitária em Campo Grande

As barreiras sanitárias foram instaladas inicialmente em todas as saídas da cidade no dia 26 de maio e funcionou até o dia 27 em Campo Grande. O objetivo foi abordar visitantes vindos do interior ou de outros estados e identificar sintomas do coronavírus.

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) explicou na ocasião que os visitantes não serão impedidos de entrar na Capital, mas é preciso garantir segurança para evitar que o coronavírus se espalhe ainda mais pela cidade.

“Estou cercando as cinco entradas, quem estiver vindo para Campo Grande, seja bem-vindo, mas vai ter que fazer os exames do Covid-19. Vamos recepcionar as pessoas para garantir segurança aos moradores de Campo Grande. Aumentam os casos no interior e essas pessoas têm um fluxo para a Capital diariamente. Temos que ter noção exata se estão vindo saudáveis ou se podem ser transmissores do Covid-19”, diz.

midiamax

🔥106

Deixe sua opinião