Terceira dose: vacinados com Coronavac a partir de 55 anos devem tomar, diz estudo

(Pexels) Estudo conjunto realizado pelo InCor e pela Faculdade de Medicina da USP recomenda uma terceira dose de vacina contra a Covid-19 para pessoas com 55 anos Pexels

Estudo conjunto realizado pelo Instituto do Coração (InCor) e pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) recomenda uma terceira dose de vacina contra a Covid-19 para pessoas com 55 anos ou mais que foram imunizados com Coronavac. De acordo com o G1, a versão prévia sem revisão dos pares, o chamado pré-print tinha como objetivo avaliar como o sexo e a idade dos indivíduos poderiam impactar na resposta à vacina.

O estudo avaliou as amostras de sangue de 101 pessoas, sendo que 42 tinham mais de 60 anos, e todas estavam completamente vacinadas com a CoronaVac. A pesquisa mostrou que 72 pessoas que se recuperaram da doença e adquiriram anticorpos por exposição e 36 pessoas que compunham o grupo de controle, ou seja, não foram nem vacinadas e nem infectadas pelo vírus.

Conforme os dados, pessoas acima dos 55 anos recuperadas pela infecção natural apresentaram até seis vezes mais anticorpos do que os indivíduos com a mesma idade que haviam sido vacinados.

Além disso, a pesquisa mostra que 60% das mulheres com mais de 55 anos apresentaram anticorpos e resposta celular contra o vírus e entre os homens esse percentual caiu para apenas 28%.

No estudo, segundo o G1, os pesquisadores sugerem que pessoas acima dos 55 anos que receberam as duas doses de CoronaVac poderiam se beneficiar de uma terceira dose de uma vacina diferente.

MSN*

Saude, Últimas notícias

Deixe sua opinião

%d bloggers like this: