Assassinos matam ex-diretor de Estabelecimentos Penitenciários no Paraguai

0
443
Banner 300x250

Dois pistoleiros mataram a tiros o ex-diretor de Estabelecimentos Penitenciários, Domingo Bazán Rojas, quando ele estava a poucos metros de chegar à penitenciária de Concepción. Em 2021 o homem foi ameaçado pelo Clã Rotela.

Domingo Bazán Rojas, ex-diretor de Estabelecimentos Penitenciários (2021), foi morto a tiros por volta das 7h desta quinta-feira, quando estava perto de chegar à penitenciária de Concepción, onde desempenhava funções administrativas.

Dois pistoleiros, que viajavam de moto, seguiram o homem e começaram a atacá-lo. O veículo da vítima foi atingido por pelo menos 10 balas.

Aparentemente, Bazán reagiu e também disparou alguns tiros, mas ficou sem balas e decidiu correr para uma montanha, próximo às instalações da Associação Rural do Paraguai (ARP), a dois quilômetros do centro da cidade.

Os pistoleiros foram atrás dele e tiros foram ouvidos novamente. No local Bazán foi morto.

Foram seus companheiros que chegaram à montanha e encontraram o corpo.

Bazán também foi diretor dos presídios de Ciudad del Este, Pedro Juan Caballero e Concepción. Além disso, ocupou outros cargos importantes.

Relacionado

Deixe sua opinião