Ponta Porã possui uma moderna estrutura para a equoterapia

0
86
Karen Costa, Presidente do centro de Equoterapia Princesinha dos Ervais (Legenda da foto: Reinaldo Jalaska)
Banner 300x250

PRESIDENTE, QUE SE DESPEDE DE PONTA PORÃ, DESTACA LEGADO DE GRANDES AVANÇOS

O Centro de Equoterapia Princesinha dos Ervais deverá passar, nos próximos dias, por uma mudança na sua diretoria. A atual presidente, Karen Costa, está deixando a diretoria. Ela está se despedindo de Ponta Porã pois é esposa do Comandante do 11º Regimento de Cavalaria Mecanizado, Coronel Milton Costa, que está sendo transferido para o gabinete do comandante do exército em Brasília.

Nesta entrevista ela expõe detalhes do árduo trabalho desenvolvido nos dois últimos anos no Centro de Equoterapia. E destaca os avanços ocorridos. Um deles foi o melhoramento da estrutura do centro. A capacitação dos profissionais que atuam no local e aumento no número de pessoas atendidas.

“É hora de me despedir e, neste momento, quero prestar contas à sociedade fronteiriça. Agradeço a Deus pela oportunidade de conviver com pessoas extraordinárias que abraçaram a causa. Pois sozinho ninguém consegue nada. Tiramos a equoterapia do anonimato nesta cidade e, isso, já um grande passo. Hoje a população fronteiriça sabe que pode contar com um atendimento de qualidade, feito num local apropriado e por profissionais altamente qualificados. Tudo isso está sendo possível graças ao empenho do Exército, por meio do ‘Onze’ que não mede esforços para nos atender, intensificando uma parceria com a Prefeitura”, afirmou Karen.

Ela desta: “os avanços foram de diversas ordens. Desde a regularização do CNPJ, até a nova denominação da Associação de acordo com a legislação brasileira. Mas o que eu particularmente fiquei mais satisfeita, foi o aumento de vagas e a criação de rotatividade delas. Haviam praticantes desde o início da criação do CEPE. Qual era o problema? Não se abria novas vagas e não havia divulgação do trabalho na cidade. Então aumentamos a capacidade de atendimento, que saltou dos sempre e mesmos 42 para 98 praticantes. Consegui acabar com uma lista espera de mais de 3 anos, se não mais”.

Karen apontou ainda avanços em outro setor: “também houve a parte administrativa financeira, hoje temos livro caixa, contador voluntário, conta corrente dirigida por gente séria. Saímos de um caixa de 360,00 reais em fevereiro de 2022 para conseguir pagar curso, viagem e alimentação para os 08 Professores mais um militar para a realização do curso avançado de equoterapia, fora o básico que foi oferecido para outros 3 professores que não tinham ainda o curso”.

TERCEIRO MAIOR DO PAÍS

A dirigente do Princesinha dos Ervais acrescenta que “hoje estamos, sem a confirmação ainda, no terceiro maior Centro de Equoterapia do Brasil e o único que formou todo o seu staff com os cursos estabelecidos em lei federal para o funcionamento correto. Tenho orgulho do milho que ralei para a festa junina, de meter a cara na rua pedindo patrocínio para o Chá das Rosas, das vezes que lavei o banheiro do Centro porque não tinha pessoal de limpeza. De conversar com mães muito simples que tinham vergonha de falar comigo. Nossa! Muito orgulho do trabalho voluntário!”, exclamou Karen Costa.

Ela acrescentou ainda que agradece à parceria com a Prefeitura “e que aguardo notícias, em Brasília, sobre o envio dos profissionais de saúde. A equoterapia de Ponta Porã ainda será a maior do Brasil, mas necessita desses profissionais”.

Cabe ressaltar que a nova diretoria do Centro de Equoterapia Princesinha dos Ervais será comandada por militares que compõem os quadros do 11º Regimento de Cavalaria Mecanizado.

Fonte: Nivalcir Almeida

Relacionado

Deixe sua opinião