Homem mata namorada em Dourados, após ela dizer que o irmão dele “transava melhor”

0
439
Banner 300x250

Autor do assassinato da namorada, a adolescente Karina Ferreira Isnardi, 16, alegou que cometeu o feminicídio após a menina dizer que o irmão dele “transava melhor”. Kleiton Benites Gomes, 19, foi localizado pela Polícia Militar logo após o corpo da adolescente ser encontrado pelo pai dela no quintal da casa, na Aldeia Jaguapiru em Dourados.

Cleiton e Karina eram namorados e o rapaz, disse que estava bêbado e que “perdeu a cabeça”, após a adolescente comentar sobre o irmão dele.

Em nota à imprensa, o delegado Erasmo Cubas, chefe do SIG (Setor de Investigações Gerais), informou que Cleiton, em depoimento na delegacia, confessou o crime e foi autuado em flagrante por feminicídio.

Os investigadores e peritos da Polícia Civil constaram que a vítima sofreu violência sexual, tinha marcas de asfixia no pescoço e lesões aparentes perfurocortantes no ânus.

Ao lado do corpo foi encontrada uma faca com cabo quebrado. Kleiton confessou que usou a faca para cortar o ânus da vítima.

A polícia ainda não se manifestou sobre o resultado dos exames feitos nos corpos, mas informações apuradas pelo Dourados Informa revelam que partes das vísceras da vítima foram arrancadas.
Kleiton Benites Gomes, quando chegava à delegacia,neste domingo

(Foto: Adilson Domingos)

Relacionado

Deixe sua opinião