Caso chocante: Estudante de Medicina é acusado de assassinato e escapa para o Paraguai

0
1290
Banner 300x250

Diego de Souza Mendonça, estudante de Medicina em uma universidade de Pedro Juan Caballero, é procurado pela polícia sob acusação de ter assassinado sua ex-namorada Mayara Almodin Aran Florenciano, de 29 anos. O crime ocorreu na manhã de ontem (11), na Rua Retirada da Laguna, bairro São Miguel, em frente a uma borracharia em Nioaque. Mayara estava retornando de um baile de carnaval com um casal de amigos quando o motorista do veículo chegou, e Diego, que a aguardava na calçada, disparou vários tiros, atingindo-a ainda dentro do carro.

Mayara foi levada para um hospital, porém não resistiu aos ferimentos e veio a falecer durante o atendimento. A vítima, que tinha um filho com Diego, foi alvejada enquanto era socorrida. Em seguida, o acusado fugiu do local levando a arma do crime, acredita-se que tenha se dirigido para Pedro Juan Caballero.

O crime de feminicídio chocou profundamente os moradores da cidade, que clamam pela prisão imediata do acusado.

Mayara Almodin Aran Florenciano, de 29 anos (Foto: Redes Sociais)
Relacionado

Deixe sua opinião