Horta da “maconha” funcionava como entreposto de drogas em Ponta Porã

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron), efetuou a apreensão de cerca de 7 toneladas de maconha, escondidas em uma chácara onde funcionava uma horta. Três pessoas foram presas durante a ação, sendo dois deles pai e filho.

Após intensa investigação, por volta das 3h desta quarta-feira (2), equipes da Defron realizaram incursão em uma chácara localizada em Ponta Porã, próximo ao Bairro Kamel Saad. Placas instaladas no local anunciavam que se tratava de uma horta orgânica, porém, isso era apenas fachada.

De acordo com informações policiais, o material estava estocado em uma edícula no imóvel rural, utilizada para armazenar esterco para a horta orgânica. A Defron apurou que, posteriormente, o entorpecente seria enviado para os Estados de São Paulo e Minas Gerais.

Questionados sobre a droga, os três indivíduos, todos brasileiros, sustentaram que, por volta das 18h, foram para uma casa de prostituição, localizada em Ponta Porã e, ao retornarem, às 23h, encontraram a droga estocada. Eles ainda afirmaram que desconhecem quem teria armazenado a droga.

Os três indivíduos foram presos em flagrante pela prática de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Fonte: Pontaporainforma

Últimas notícias

Deixe sua opinião

%d bloggers like this: