Paulo Borrachinha bate Rockhold em luta sangrenta

Brasileiro Paulo Borrachinha domina a luta, leva susto no terceiro round contra rival exausto, mas garante vitória para encerrar sequência negativa. Americano anuncia aposentadoria

Contra um rival com mais coração que preparo físico, Paulo Borrachinha dominou de ponta a ponta o co-evento principal do UFC 278, na madrugada deste sábado para domingo, em Salt Lake City (EUA). O brasileiro chegou a levar um susto no último round, mas venceu Luke Rockhold por decisão unânime (triplo 30-27). O combate foi sangrento, e o americano mostrou muito coração após atuar exausto por dois rounds inteiros, mas o brasileiro retomou o caminho das vitórias em confronto eletrizante após vir de dois resultados negativos.

Após o anúncio do resultado oficial, o ex-campeão dos médios (até 84kg) Luke Rockhold declarou sua aposentadoria do MMA.

A luta

Rockhold tentou tomar a iniciativa e partiu com chutes e socos para encurtar e buscar a queda. Mas, ao se aproximar, recebeu uma sequência dura de golpes, ficou de pé e passou a ser caçado pelo brasileiro. Borrachinha partiu para cima, conseguiu uma queda com facilidade, chegou a montar, mas perdeu a posição. A luta voltou a ser disputada em pé, e Rockhold acertou bons chutes na linha de cintura.

Paulo Borrachinha venceu Luke Rockhold por decisão unânime (triplo 30-27) — Foto: Getty Images

Paulo Borrachinha venceu Luke Rockhold por decisão unânime (triplo 30-27) — Foto: Getty Images

No fim do primeiro assalto, Rockhold parecia exausto e se apoiava nos joelhos. Ao voltar, no entanto, partiu para cima do brasileiro e deu o último gás, mas o brasileiro resistiu e, sem pressa, variava golpes na cabeça e linha de cintura. O americano, que não escondia o cansaço, ainda recebeu um soco na região genital e ganhou um tempo para se recuperar. No terceiro round, Rockhold ainda balançou Borrachinha duas vezes, quando já parecia não ter mais forças, mas Borrachinha absorveu e, ao defender uma queda, caiu por cima. Ele fez a transição para as costas, tentou a finalização, mas o americano se defendeu até o fim.

Globo.com

Deixe sua opinião

%d bloggers like this: