Confronto entre grupos termina com homem morto na fronteira

Paraguai

Confronto entre grupos armados deixou uma pessoa morta na terça-feira (15/11) na região de fronteira entre Brasil e Paraguai. Darío Mancuello, 32, que tinha passagem por associação terrorista e crimes de sequestro, acabou assassinado durante troca de tiros.

O fato ocorreu em Concepción, nas proximidades de Bela Vista, no Mato Grosso do Sul.

Segundo o Midiamax, o autor do crime, Salvador de Jesús Ovelar González, 29, tentou se esconder em uma mata, mas acabou preso por agentes da FTC (Força Tarefa Conjunta), que atua na região de fronteira. Ele faz parte do EPP (Exercito do Povo Paraguaio).

Ainda de acordo com o site, Darío teria ligações com outro grupo guerrilheiro identificado como ACA (Grupo Camponês Armado).

A Polícia Nacional investiga o caso. 

Deixe sua opinião