Mobilização histórica reúne mais de 250 pessoas em Ponta Porã pela paz na Palestina e fim dos massacres em Gaza

0
242
Banner 300x250

Neste domingo, dia 5 de novembro de 2023, uma mobilização histórica tomou conta de Ponta Porã, reunindo mais de 250 pessoas de diferentes nacionalidades e origens étnicas. Árabes, palestinos, libaneses, sírios, indianos, brasileiros e paraguaios se uniram em frente ao Parque dos Ervais para exigir a paz na Palestina e o fim dos massacres na Faixa de Gaza.

O evento, que teve início às 15 horas e encerrou às 17 horas, contou com a presença marcante do Secretário Municipal de Segurança Pública de Ponta Porã, Marcelino Nunes de Oliveira. Em seu discurso emocionado, ele condenou veementemente as mortes de crianças e civis na Faixa de Gaza, ressaltando a importância de buscar soluções pacíficas para o conflito.

Entre os participantes também estava Ali Melhem, um dos líderes da Associação Muçulmana da Fronteira. Ele enfatizou a necessidade urgente de acabar com essa guerra e pediu o fim dos ataques a civis inocentes. “Queremos viver em paz, assim como somos recebidos no Brasil”, declarou Melhem.

Durante a manifestação, os participantes ergueram faixas, bandeiras e cartazes com mensagens pedindo a libertação da Palestina e o fim das mortes de inocentes. A energia positiva e a união demonstrada pelos manifestantes refletiram o desejo coletivo por justiça e paz na região.

Essa mobilização se tornou a maior já realizada no estado do Mato Grosso do Sul, demonstrando o apoio e a solidariedade da comunidade local à causa palestina. Através desse ato de resistência pacífica, as vozes dos manifestantes ecoaram, exigindo uma mudança real e duradoura para a Palestina.

“Que essa mobilização seja apenas o começo de um movimento ainda mais forte em prol da paz e da justiça na Palestina. Juntos, podemos fazer a diferença e lutar por um mundo onde todos possam viver em harmonia”, conclui Ali Melhem.

Relacionado

Deixe sua opinião