Preso em Pedro Juan Caballero o perigoso e sanguinário criminoso conhecido como “Cruel”

0
591
Banner 300x250

No âmbito da operação “Centro Seguro Ano Pahá”, as forças policiais conseguiram deter um perigoso criminoso que se presume fazer parte do temido “Tribunal de Disciplina” de uma facção criminosa. Trata-se de L. R. G. F, conhecido como “Cruel”, que possui um mandado de prisão por homicídio na cidade de Campo Grande e
um extenso histórico criminal.

Durante uma operação policial realizada na interseção das avenidas Carlos Domínguez e Fernando de la Mora, agentes da Comissaria Terceira do Bairro Operáriop avistaram um indivíduo que tentou fugir ao perceber a presença policial. No entanto, ele foi rapidamente interceptado e detido pelos policiais.

Após sua prisão, ele foi identificado e solicitadas informações à Polícia Militar de Ponta Porã, que alertou seus colegas paraguaios sobre a periculosidade do criminoso.

A polícia brasileira confirmou que o detido possui um mandado de prisão por homicídio doloso em Campo Grande e possui antecedentes por tráfico de drogas (2019), lesões corporais (2017), violência doméstica e ameaças (2018).

Além disso, presume-se que L. R. G. F, faça parte do “Tribunal de Disciplina” de uma facção, conforme afirmou o subcomissário César Galeano, vice-chefe da Comissaria Terceira. Acredita-se que ele seja responsável por realizar amputações em pessoas “condenadas” pelo referido tribunal, o que lhe rendeu o apelido de “Cruel”.

Embora não haja informações concretas sobre sua participação em execuções na fronteira, dada sua reputação, não se descarta seu envolvimento em crimes durante sua estadia na região.

O detido será colocado à disposição das autoridades competentes para sua expulsão do país e posterior entrega às autoridades brasileiras.

Relacionado

Deixe sua opinião